A verdade sobre o açai contaminado

image

Quais são as causas da contaminação de pessoas através de alimentos contaminados?

A contaminação de pessoas através de alimentos contaminados é uma preocupação constante em todos os países do mundo. Muitos microrganismos presentes em alguns alimentos provocam o aparecimento de intoxicações alimentares, mas infelizmente esses alimentos não apresentam alterações em seu cheiro, sabor ou aspecto.

Por que os estudos sobre contaminantes emergentes são tão comuns no Brasil?

A partir de 2012, estudos sobre contaminantes emergentes (CE) se tornaram mais comuns no país, motivados pelo número crescente de geração desses produtos, com o consequente descarte ou eliminação no meio ambiente, principalmente nos cursos d’água.

Quais são os principais agentes biológicos capazes de contaminar a água e os alimentos?

Os principais agentes biológicos capazes de contaminar a água e os alimentos, além de causarem inúmeras doenças aos homens, são vírus, bactérias, protozoários, vermes, fungos e toxinas microbianas.

Como evitar a contaminação dos alimentos?

A melhor forma de evitar a contaminação dos alimentos é seguindo algumas regras básicas durante a manipulação, o preparo e o armazenamento desses alimentos. ► Lave muito bem as mãos antes de manipular qualquer tipo de alimento; ► Lave muito bem as mãos e os utensílios ao manipular alimentos diferentes, para evitar a contaminação cruzada;

image


É verdade que o açaí está contaminado?

O pesquisador explica que o açaí em geral é contaminado quando um barbeiro, inseto vetor da doença, ou as fezes dele se misturam à polpa durante o processamento. “Às vezes são os reservatórios utilizados na produção do vinho de açaí que estão contaminados”, conta.


Qual é o perigo do açaí?

Acontece que essa saborosa fruta pode esconder um perigo: o parasita que transmite a doença de Chagas. Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), cerca de 10% dos alimentos à base de açaí no Pará e Rio de Janeiro apresentaram DNA do parasita, informa o G1 dessa doença.


É seguro comer açaí?

As pesquisas e os dados epidemiológicos demonstram que o produto processado termicamente, seja pasteurizado ou esterilizado acima de no mínimo 80°C por 10 s, torna-se seguro, enquanto o produto in natura ou apenas resfriado ou congelado poderá não ser.


Como saber se o açaí tem Chagas?

Na fase aguda, seja por picada ou ingestão de alimentos contaminados, o protozoário instiga sintomas como febre, lesões na pele, mal-estar e talvez falta de ar. “Às vezes, parece uma doença viral”, compara Silvestre.


Quais são os efeitos colaterais do açaí?

Não estão descritos os efeitos colaterais relacionados ao consumo de açaí, no entanto, como possui muitas calorias e gordura, o consumo excessivo de açaí pode engordar. Dessa forma, o açaí deve ser evitado por quem tem excesso de peso ou obesidade, sendo esta a única contra-indicação do consumo do fruto.


Quando não comer açaí?

* pessoas alérgicas devem redobrar os cuidados, pois existem componentes na fruta que podem favorecer alergias leves e mesmo graves. * Além disso, grávidas e mulheres que amamentam devem evitar o consumo, pois não existem estudos que mostrem os impactos do produto na saúde de pessoas nessas condições.


Quais são os benefícios e malefícios do açaí?

O açaí, por ser rico em vitaminas, fibras e proteínas, oferece uma série de benefícios, como melhora do humor, aumento na libido e fertilidade, além de hidratar pele e cabelos. No entanto, o que pouca gente fala é que mesmo os alimentos saudáveis podem gerar problemas de saúde, caso sejam consumidos de forma errada.


O que é mais saudável açaí ou sorvete?

Para que você tenha uma opção mais saudável de se refrescar nesses dias quentes que enfrentamos aqui no nosso país, o açaí é uma opção mais saudável que o sorvete em diversos aspectos, mas vale ressaltar que a composição do açaí deve ser sempre fiscalizada, buscando sempre a polpa de açaí pura, sem adição de açúcares, …


Qual a quantidade de açaí por dia?

Não exagere na quantidade e nas porções, ou seja, para se obter os benefícios que o açaí pode oferecer sem abusar nas calorias, deve-se consumir entre 100 g e 200 g somente uma vez ao dia e não precisa ser todos os dias. Faça o uso a cada três ou quatro dias.


Como eliminar o barbeiro do açaí?

Entre os procedimentos recomendados está o tratamento por choque térmico dos frutos de açaí, para eliminar o protozoário Trypanosoma cruzi, agente causador da Doença de Chagas, e que pode ser encontrado no inseto conhecido como barbeiro.


Como identificar a doença de Chagas?

O diagnóstico da doença de Chagas se dá em sua grande maioria por exames de sangue, sendo que o diagnóstico do agente causador poderá ser identificado por meio de métodos laboratoriais de visualização do parasito direto ou indiretamente, e por presença de anticorpos no soro.


Faz mal comer açaí doente?

As pesquisas e os dados epidemiológicos demonstram que o produto processado termicamente, pasteurizado no mínimo a 80°C por 10 s, torna-se seguro, enquanto o produto in natura ou apenas resfriado ou congelado poderá não ser.


Urina de vaca como remédio contra o novo coronavírus

A Índia é o país com mais notícias falsas checadas por jornalistas no mundo. O banco de dados da IFCN conta atualmente com 1.649 verificações do país. Uma das informações que rodou entre os indianos no começo da pandemia era de que a urina de vaca, animal que é considerado sagrado por lá, seria um remédio eficaz contra o covid.


Plástico bolha pode passar coronavírus

Segundo lugar no ranking de checagens, os Estados Unidos é um grande celeiro de notícias surreais. Foi lá que as pessoas estavam tomando água sanitária ou injetando detergente na veia como método de cura para o covid. Lá surgiram ainda as grandes teorias da conspiração de que o vírus foi desenvolvido em laboratório.


O caso do “primo do porteiro aqui do prédio”

“Gente! O primo do porteiro aqui do prédio morreu pq foi trocar o pneu do caminhão e o pneu estourou no rosto dele. Receberam o atestado de óbito como se fosse a covid-19. Eles estão indignados”.


Quarentena em bordel

Também de um site satírico, desta vez da Espanha, surgiu a informação que 86 pessoas teriam que cumprir a quarentena em um bordel de Valência após uma garota de programa ter resultado positivo no teste para coronavírus. A “notícia” atravessou o Atlântico e viralizou também no Brasil.


Termômetro mata neurônios

Uma fake news que se espalhou bastante pela América Latina nos últimos meses falava de possíveis danos causados pelos termômetros infravermelhos, aqueles usados para medir a temperatura dos clientes na entrada de supermercados.


Churrasquinho melhor que vacina

Em fevereiro, circulou pelas redes sociais da França a publicação de uma página sobre agricultura que afirmava que consumidores de carne bovina seriam imunes ao novo coronavírus. Além disso, o texto também dizia que o vírus se espalhou com rapidez pela China justamente pelo baixo consumo de carne entre a população.


O bebê mandou comer ovos

Nas Filipinas, um vídeo que alcançou a marca de mais de 1,4 milhão de visualizações apresentava o relato de uma mulher contando que um bebê recém-nascido havia falado que comer ovos cozidos era a cura para o covid.

image

Leave a Comment