Como desenhar o extrativismo vegetal na regiao norte açai

Quais as características do extrativismo vegetal no Brasil?

Além da madeira, há outros vários produtos integrantes do Extrativismo Vegetal no Brasil. O Brasil é um país coberto por grandes porções de floresta que foram preservadas na colonização e no progresso de sua população. Por ser um país com vasta extensão territorial, há espaço suficiente para as reservas naturais.

Quais as principais atividades extrativas vegetais do Brasil?

Há diversos produtos do extrativismo vegetal no Brasil, que variam de região para região. Alguns dos mais característicos estão no Norte, como o látex e a castanha-do-pará. A mais importante atividade extrativa vegetal do Brasil é sem dúvida a madeireira. Ela ocorre desde o início da colonização e levou várias formações vegetais à extinção.

Por que o extrativismo é uma atividade extremamente nociva ao meio-ambiente?

O extrativismo pode ser, então, uma atividade extremamente nociva ao meio-ambiente. Os países em desenvolvimento são os que mais praticam este tipo de atividade, ao contrário dos países desenvolvidos que são mais industrializados.

Quais são os principais tipos de extração vegetal?

Mas ainda assim a extração vegetal é realizada, podemos destacar os principais tipos de extração: • Extração de madeira: que são utilizadas especialmente na fabricação de móveis, produção de carvão e na construção civil. As madeiras mais exploradas são cedro, mogno e cerejeira.


Como é feito o extrativismo do açaí?

Nos últimos anos o consumo vem se expandindo em outras regiões do país e do mundo, ampliando as oportunidades de empregos e estimulando a economia amazônica. A exploração do açaizeiro se dá através de técnicas próprias de extrativismo, praticado intensamente por milhares de pessoas no estuário amazônico.


Quais são os principais produtos do extrativismo na Região Norte?

A economia da Região Norte baseia-se no extrativismo vegetal (látex, açaí, madeiras, castanha) e mineral (garimpos de ouro, diamantes, cassiterita, estanho), além da exploração de minérios em grande escala, como na Serra dos Carajás, PA (ferro) e Serra do Navio, AP (manganês).


É um exemplo de extrativismo vegetal?

Extrativismo vegetal: consiste na retirada de recursos de origem vegetal. No Brasil, em especial na Região Norte, é muito comum o extrativismo de madeiras, castanhas, açaí e látex (que é uma seiva extraída da seringueira), muito utilizado para a fabricação de borracha.


Quais são os três tipos de extrativismo?

A atividade extrativista está dividida em três tipos distintos: extração vegetal, extração animal e extração mineral. A atividade extrativista consiste em extrair ou retirar recursos naturais em sua forma original com fins lucrativos ou simplesmente para subsistência.


O que e produzido na região Norte?

A região é considerada uma fronteira agrícola do Brasil, nela são produzidos desde produtos tradicionais, como mandioca, milho e arroz, até de exportação, como a soja, que tem sido uma cultura bastante difundida na região e ao mesmo tempo a que mais provoca desmatamento da floresta Amazônica, sem contar que áreas …


Quais são os produtos do extrativismo?

Extrativismo no BrasilMadeira. Apesar da retirada de madeira ser questionada e debatida, a prática continua e constitui uma fonte de riqueza para as regiões envolvidas. … Floresta Plantada. … Borracha. … Castanha. … Palmito. … Buriti. … Carnaúba. … Ferro.More items…


São exemplos de extrativismo animal?

A pesca e a caça são formas de extrativismo animal. “Um tipo de atividade muito presente nos nossos ancestrais até a revolução agrícola há 10 mil anos, quando a sociedade humana começou a produzir alimentos e domesticar animais, que seria a futura pecuária.


O que é o extrativismo mineral?

O extrativismo mineral é a atividade econômica que extrai minérios do solo, dos rios e dos mares. Os mais importantes são ferro, petróleo, manganês, bauxita, níquel, além da prata e do ouro. A extração de minério, atualmente, é altamente mecanizada e sua exploração deixa marcas profundas na região onde acontece.


Quais alimentos foram obtidos pelo extrativismo vegetal?

O Nordeste ainda conta com o extrativismo de Piaçava, utilizada em vassouras e cordas de navios; o Coco, que possui ampla utilização; a Castanha-de-caju, que gera um óleo com propriedades especiais; e o Buriti, que tem funções alimentícias e medicinais.


O que é extrativismo vegetal e animal?

Extrativismo é a atividade de extrair da natureza os recursos que estão à disposição do homem, sejam estes produtos de origem animal, vegetal ou mineral, tais como metais, rochas, petróleo, gás natural, entre outros. É considerada a mais antiga atividade humana, antecedendo a agricultura, a pecuária e a indústria.


O que é extrativismo indireto?

É considerado indireto, que é o caso da maioria dos minerais, quando o produto extraído é destinado a indústrias para passar por transformações que darão origens a produtos com maior valor agregado. A tecnologia de extração também pode variar entre simples e mais complexa.


Quais são as formas de extrativismo mineral?

O extrativismo mineral é caracterizado pela exploração de recursos minerais do subsolo, como o ouro, manganês, diamante, bauxita, minério de ferro, água mineral, petróleo, cobre, cobalto, urânio, prata, entre tantos outros. O extrativismo mineral tem por característica a alteração drástica do ambiente onde é realizado.


Madeira

A mais importante atividade extrativa vegetal do Brasil é sem dúvida a madeireira. Ela ocorre desde o início da colonização e levou várias formações vegetais à extinção.


Açaí

O açaí é uma palmeira típica de várias regiões da Amazônia, espalhando-se até o Maranhão, a Guiana e a Venezuela. É conhecido pelos indígenas como “içá-çai”, a “fruta que chora”. Produz um saboroso palmito, que vem sendo industrializado nos últimos anos.


Látex

O látex é retirado de seringueiras da floresta Amazônica. De 1870 a 1920, o Brasil viveu o auge da produção de látex para fabricação de borracha natural. Durante esse período, tomou-se o primeiro produtor mundial.


Capim-dourado

O capim-dourado é uma planta típica do Tocantins, encontrada apenas na região do alapão. O material é utilizado na confecção de vários tipos de artesanato, como bolsas, cintos,


Poaia

A poaia é uma planta do Cerrado cujas raízes têm propriedades medicinais, sendo utilizada pela indústria farmacêutica para o tratamento das disenterias, bronquites e coqueluches.


Quebracho

O quebracho é uma espécie do Cerrado cuja madeira, de qualidade inferior, é utilizada para produção de carvão vegetal, enquanto a casca, rica em tanino, é usada para curtimento do couro.


Babaçu

O babaçu é uma palmeira típica da Mata dos Cocais (vegetação de transição entre as espécies da Caatinga e as da Floresta Amazônica) que ocorre principalmente no Maranhão.


Extrativismo Vegetal

O extrativismo vegetal consiste em recolher frutos, madeira e raízes da natureza. Também é possível retirar resinas e o látex de certas espécies de árvores que serão transformados em ceras e borracha, respectivamente.


Extrativismo Mineral

O extrativismo mineral é a atividade econômica que extrai minérios do solo, dos rios e dos mares. Os mais importantes são ferro, petróleo, manganês, bauxita, níquel, além da prata e do ouro.

Leave a Comment