Como um furacão se acaba

image

Como um furacão deixa de existir? Vários fatores afetam drasticamente a maneira pela qual a tempestade se deteriora. Quem explica é um pesquisador do Centro Nacional de Furacões (NHC), Denis Feltgen. “Como tudo no universo, um furacão morre quando deixa de ter uma fonte de energia”.

Full
Answer

Como um furacão se forma?

Como um furacão se forma? Os furacões nascem quando a água dos oceanos atinge temperaturas superiores à 26 °C e evapora. Ao subir, esse vapor encontra camadas mais frias e forma grandes nuvens de tempestades. Durante esse processo, a pressão atmosférica diminui e começa a atrair massas de ar para partes mais altas do céu.

Por que no Brasil não tem furacão?

Por que no Brasil não tem furacão? Como vimos, há algumas condições climáticas que precisam existir para que um furacão ocorra. Assim, em primeiro lugar, as águas do mar brasileiro não costumam superar os 26º, o que já afasta a formação desse fenômeno natural.

O que é necessário para o surgimento de um furacão?

Ele se caracteriza por ocorrer em situações de calor e baixa pressão atmosférica. Habitualmente, acontece no verão, por haver a necessidade de altas temperaturas no mar. Como se forma um furacão?

Quais são as consequências do furacão?

A exceção, talvez, tenha sido o furacão Catarina que atingiu o sul do Brasil no Atlântico Sul, em uma zona temperada, no ano de 2004. Naquela ocasião, houve uma série de anomalias que contribuiu para o aquecimento incomum das águas da região.

image


México, Estados Unidos e Caribe: as zonas mais vulneráveis

Um dos fatores que explica que essa região seja mais propensa a receber furacões é que o oceano Atlântico, nas latitudes tropicais, tem a temperatura adequada para sua formação durante mais meses no ano.


A mudança climática pode impactar a formação de furacões?

“A mudança climática faz com que a temperatura da superfície e da capa espessa do oceano fiquem mais altas, e isso é um problema. Temos teorias que dizem que se o oceano ficar mais quente, isso pode se traduzir em tempestades mais fortes e intensas”, diz Gary Barnes.


Como um furacão se forma?

Os furacões nascem quando a água dos oceanos atinge temperaturas superiores à 26 °C e evapora. Ao subir, esse vapor encontra camadas mais frias e forma grandes nuvens de tempestades. Durante esse processo, a pressão atmosférica diminui e começa a atrair massas de ar para partes mais altas do céu.


Propriedades de um furacão

Os furacões apresentam um centro de circulação fechada, onde os ventos sopram para dentro, em torno dele. Essa circulação é diferente nos dois hemisférios. No Hemisfério Norte, os ventos giram no sentido anti-horário, e no Hemisfério Sul, no sentido horário. Para serem classificados como um furacão, os ventos precisam estar acima de 119 km/h.


Furacões, tornados e tufões

Apesar de gerarem confusão, furacões e tornados são fenômenos diferentes. Como já visto, furacão é um sistema de baixa pressão com circulação fechada de ventos. O tornado, por sua vez, é um redemoinho de ventos fortes formados em meio a uma tempestade.


Exemplos de furacões

O furacão Irma atingiu o estado da Flórida, nos Estados Unidos, em 2017, e foi considerado o maior já registrado no Oceano Atlântico. O furacão alcançou a categoria 5 e foi capaz de provocar diversos danos catastróficos. Os ventos chegaram a 297 quilômetros por hora na região do Caribe.


Furacões no Brasil

Como ressaltado anteriormente, algumas condições climáticas precisam existir para que um furacão ocorra. Em primeiro lugar, as águas oceânicas do Brasil não costumam superar os 26 °C, o que já afasta a formação desse fenômeno.


Mudanças climáticas e furacões

As mudanças climáticas fazem com que a temperatura da superfície e da capa espessa do oceano fiquem mais altas. De acordo com estudos, existem teorias que dizem que se o oceano ficar mais quente, isso pode se traduzir em tempestades mais fortes e intensas.


Por que no Brasil não tem furacão?

Assim, em primeiro lugar, as águas do mar brasileiro não costumam superar os 26º, o que já afasta a formação desse fenômeno natural.


Qual a diferença entre ciclones, tornados, furacões e tufões?

Isso se justifica pelo fato de que o ciclone é um grupo grande, que abrange tanto furacões quanto tufões. E agora, o que é tufão? Tufão é o mesmo que furacão, a diferença é que furacões ocorrem no oceano Atlântico e tufões no oceano Pacífico.

image

Leave a Comment