Como vender açaí na moto

image


O que desvaloriza a moto?

A montadora japonesa venceu nas categorias “Motoneta”, com a BIZ 110i/125; “Street” (CG125/160); e na categoria “Trail” com a NXR 160 Bros….ModeloDesvalorização em um anoHonda NXR 160 Bros-6,7%Honda CG 125/160-8,5%Honda Biz 110i/125-9,1%Yamaha XTZ 150 Crosser-9,1%18 more rows•Jul 20, 2018


O que fazer quando se compra uma moto?

Consulte o histórico da sua moto através do RENAVAM. … Faça uma revisão com um mecânico de confiança. … Não confie somente do hodômetro. … Faça um test-drive. … Tenha muito cuidado com falsificações. … Assinar o Recibo de Compra e Venda. … Realizar a Transferência de Propriedade.


Como funciona o processo de compra de uma moto usada?

O vendedor deverá entregar o CRLV e o CRV, sendo o primeiro usado para circular enquanto a transferência não é feita e o segundo precisa estar preenchido e com a firma dele reconhecida em cartório. O passo seguinte é procurar um cartório de notas para reconhecer a sua firma como comprador do veículo.


O que eu preciso saber antes de comprar uma moto usada?

O que observar antes de comprar uma moto usada?Confira toda a documentação. … Analise o estado geral da moto. … Faça um test drive. … Verifique a parte elétrica. … Analise o óleo. … Avalie os sinais de alteração nas peças. … Verifique sinais de batidas. … Analise o preço.


¿Qué revisar antes de vender una moto?

Técnicamente, la máquina también debe funcionar perfectamente: por lo tanto, verifique nuevamente los frenos, las luces, el claxon y todas las demás funciones, como la calefacción de puños. Finalmente, está la cuestión crucial de una tener la ITV al día. Si la próxima ITV de la moto vence en un corto espacio de tiempo, vale la pena pensar en renovar la ITV antes de que cumpla. Con la ITV recien pasada podrá vender su moto a un precio significativamente mejor que una con un corto plazo restante.


¿Cómo determinar el precio de mercado de una moto?

Para determinar un precio de mercado actual para su moto, debe comparar un poco. Investigar algún un tiempo las compraventas de moto y en portales de ventas como milanuncios o motos.net. Busca una moto del mismo modelo y año que la tuya, con un kilometraje similar. Y con un poco de sentido y compresión, calcule un precio que le permita competir con la oferta más barata que encuentre.


¿Qué debe incluir el contrato de compraventa de moto?

Este debe incluir los datos referentes a la fecha con día y hora de formalización, el lugar de celebración y los datos del comprador y el vendedor. Además, debes incluir los datos de la moto con modelo exacto, color, matrícula y nº de bastidor, el precio definitivo y la forma de pago. Es muy importante también que se recoja el pago efectivo de la venta de la moto o el cumplimiento de la obligación del mismo por el medio acordado.


¿Qué es lo más importante en la compra de una motocicleta?

Es muy importante que el comprador conozca perfectamente el estado de la motocicleta y compruebe la posible existencia de algún daño. De esta forma podrá dar conformidad en el contrato a su aceptación de compra con el conocimiento exacto de cualquier detalle o desperfecto, que será conveniente recoger en el mismo.


¿Por qué vendemos las motos?

Es común que muchas personas vendan sus motocicletas porque necesitan el dinero, recibieron una buena oferta o porque simplemente hacen poco o nulo uso del vehículo, sin embargo, hay personas que lo hacen porque buscan siempre contar con los modelos más recientes.


¿Cuánto tiempo dura una moto usada?

Algunos especialistas en motocicletas aconsejan vender la moto usada después de 2 años de uso, esto porque es el lapso de tiempo en el que la moto aún conserva un buen valor de mercado, y después de eso, comienza a depreciarse con mayor velocidad.


1. Defina uma estratégia de vendas

Existem diversos caminhos a seguir para vender sua moto usada. É por isso que o primeiro passo nessa jornada é definir qual será a estratégia de vendas que você vai usar.


2. Cuide da aparência das fotos

Independentemente do ano e do tempo de uso, motos que chamam atenção em sites de vendas são aquelas bem cuidadas, com os detalhes visuais em bom estado e o máximo possível de peças originais.


4. Tenha certeza de que toda a documentação está em dia

Nenhum comprador se interessa em comprar um veículo sem consultar se a documentação está em dia. Por isso, mesmo que você já saiba que vai vender, antes de anunciar faça questão de garantir que o IPVA e eventuais débitos no Detran estejam pagos.


5. Certifique-se de que a parte mecânica está revisada

Ali em cima, falamos sobre a necessidade de uma boa aparência para que as fotos do anúncio fiquem bonitas e atrativas. No entanto, não adianta nada ela estar com a aparência impecável se a parte mecânica não estiver perfeita.


6. Defina um preço compatível com o mercado

Saber como vender sua moto passa por entender como determinar um bom preço de venda para o veículo. Isso significa, antes de mais nada, que ele precisa ser compatível com o que já é oferecido no mercado.


7. Saiba até onde pode ir na negociação

Saber negociar é uma arte. Quando falamos do mercado de veículos usados, essa lógica faz ainda mais sentido. Basta pensar que quem quer comprar, em geral, faz questão de pagar o mínimo valor possível.


1 – Lavar e cuidar

A apresentação é tudo.


2 – Afinação

A pior coisa que pode acontecer na frente de um potencial comprador é a sua moto não arrancar, ou apresentar um trabalhar irregular, ou não consiga manter um “ralenti” compassado.
Por isso, uma pequena revisão antes de pôr a moto à venda pode ser uma boa estratégia.
Aproveite para se certificar que a bateria está bem carregada, que as lâmpadas estão todas a funcionar e que os pneus estão ainda em bom estado de uso e têm a pressão correcta.


3 – Registos de manutenção, manuais e garantia

Prepare uma pasta com todos os documentos relativos à sua moto.


4 – Material original

Prepare também uma caixa com todo o material original que possa ter trocado ou retirado da sua moto.
Ecrãs e escapes de origem, espelhos, piscas e partes da carenagem, guarda-lamas e “bacalhaus”, que para si podem não ter valor, podem ser importantes para o possível comprador, e servirem para aumentar o interesse na compra.
E podem ser peças decisivas na altura de fechar negócio (veja o ponto 8 – Negociação)..


5 – Anunciar a Venda

Utilize todos os meios à sua disposição para anunciar a venda da sua moto. Na Internet, nos sites dedicados à venda de veículos, e nos seus grupos do Facebook. Seja objectivo na mensagem. Limite-se às características principais, como quilometragem e extras, e refira correctamente o ano, a marca e o modelo. O estado geral também deve ser resumido.


6 – Marcas dos acessórios

Se tem acessórios de marcas sonantes instalados na sua moto, mencione-os a todos.


7 – Faça umas fotos apelativas

Tire uma boas fotos da sua moto. Se reparar nos sites de venda de motos usadas, há muitas fotos miseráveis que não conseguem cativar a atenção de ninguém.

image

Leave a Comment