O homem que copiava é um filme de açao

Full
Answer


Que filme é esse o homem que copiava?

O Homem que Copiava é um filme brasileiro de 2003, do gênero drama e é o segundo longa-metragem dirigido pelo cineasta gaúcho Jorge Furtado.


Qual o final do filme O Homem que copiava?

Durante a armadilha, Feitosa morre e ao anoitecer é a vez de Antunes(pai de Silvia), que falece durante uma enorme explosão. Assim, no final tudo sai como o planejado: André juntamente com seus companheiros viajam para o Rio, Marinês e Cardoso se casam, assim como André e Sílvia, enquanto os “vilões morrem”.


Onde foi gravado o filme O Homem que copiava?

‘O Homem que Copiava’ tem direção de Jorge Furtado O drama tem como cenário Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, e conta a história de André (Lázaro Ramos), um jovem que trabalha na fotocopiadora de uma papelaria na cidade.


Quando foi lançado o homem que copiava?

April 22, 2005 (New York)The Man Who Copied / Release date


Quem fez o filme O Homem que copiava?

Jorge FurtadoThe Man Who Copied / AutorJorge Alberto Furtado é um cineasta brasileiro. Wikipédia


Quem foi o diretor do filme O Homem que copiava?

Jorge FurtadoThe Man Who Copied / DiretorJorge Alberto Furtado é um cineasta brasileiro. Wikipédia


Qual é o nome do homem que calculava?

Beremiz SamirAventuras do calculista persa Beremiz Samir, que durante uma longa viagem resolve muitos problemas empregando, com maestria e inteligência, a ciência que mais conhecia: a matemática. Obra rara, que se tornou celebre, ao brincar com a Matemática durante uma narrativa singular no mundo árabe.


Enredo

O filme, ambientado na zona norte da cidade de Porto Alegre, conta a história de André, um jovem operador de fotocopiadoras que precisa de 38 reais para se aproximar de sua vizinha Sílvia, por quem está apaixonado. Para isso, é ajudado por Cardoso, empregado de uma oficina, que topa qualquer coisa por dinheiro.


Recepção

Robledo Milani em sua crítica para Papo de Cinema disse que “Este filme é um marco, porém não isento de percalços. Apresenta alguns problemas, principalmente na sua metade inicial, com uma narração exagerada e obsessiva.


Principais prêmios e indicações

Venceu nas categorias de melhor diretor (Jorge Furtado), melhor montagem ( Giba Assis Brasil ), melhor filme, melhor roteiro original, melhor ator coadjuvante (Pedro Cardoso) e melhor atriz coadjuvante (Luana Piovani).


Sinopse

André, 20 anos, operador de fotocopiadora em uma papelaria, precisa desesperadamente de trinta e oito reais para impressionar a garota dos seus sonhos, Sílvia, que mora no prédio em frente e trabalha como balconista em uma loja de artigos femininos.


Comentários

Uma comédia inteligente. Jorge Furtado em sua estréia em longa metragem dá um show de direção. Ele que foi responsável pelo ótimo curta “Ilha das Flores”, mostra agilidade na direção. Lazaro Ramos esta perfeito no papel de André e o resto do elenco nem se fala. Boa diversão. Eu amo o cinema nacional de qualidade.

Leave a Comment