O que fazer para acabar com cravos no rosto

image

Como remover os cravos do rosto?

Lavar o rosto com água morna e sabonete neutro. O esfoliante de açúcar e óleo de amêndoas é uma ótima opção para remover os cravos. Além disso, esse esfoliante remove as células mortas da pele e previne a formação de novos cravos.

Como acabar com cravos e espinhas no rosto?

Pois é, essa frase também se aplica ao aparecimento de cravos no rosto. Segundo a especialista, manter uma alimentação saudável, rica em frutas e verduras, e praticar exercícios físicos regularmente faz toda a diferença no aspecto da pele: “Hábitos saudáveis resultam em uma aparência mais agradável”.

Por que os cravos no rosto são tão comuns?

A obstrução dos poros é um dos principais causadores dos cravos e espinhas no rosto. Por isso, a limpeza é um passo fundamental para acabar com o problema. Nessa hora, a recomendação é investir em sabonetes adstringentes e que contenham ácido salicílico na composição (seguindo as recomendações do seu médico).

Como reduzir Cravos no nariz e no rosto com cosméticos em casa?

A esfoliação feita com cosméticos em casa é uma forma de fazer a renovação celular, reduzir a oleosidade e manter os poros limpos, característica básica para quem quer reduzir cravos no nariz e no rosto. Ah! Sem falar que a pele ainda fica macia e iluminada após uma esfoliação suave.

image


1. Mantenha a pele limpa

A limpeza da pele é uma etapa essencial para quem quer mantê-la saudável, bonita e livre de cravos no nariz e pelo rosto. Com a limpeza diária, você elimina a sujeira acumulada ao longo do dia, reduz a oleosidade e ainda ajuda a desentupir os poros.


2. Faça esfoliação na pele

A esfoliação feita com cosméticos em casa é uma forma de fazer a renovação celular, reduzir a oleosidade e manter os poros limpos, característica básica para quem quer reduzir cravos no nariz e no rosto. Ah! Sem falar que a pele ainda fica macia e iluminada após uma esfoliação suave.


3. Use produtos para o seu tipo de pele

A sua pele é única e precisa de cuidados específicos para se manter saudável. Você precisa identificar se ela é seca, oleosa ou equilibrada e garantir produtos que ofereçam o que ela necessita. Se a sua pele é seca, por exemplo, além da etapa de limpeza e esfoliação, você pode caprichar na hidratação.


4. Aposte numa rotina de skincare diária

Você já ouviu falar de skincare? Este nome em inglês ficou popular e significa “cuidados com a pele”. Consiste em você criar uma rotina e dedicar um tempo na sua agenda para cuidar de uma das partes mais importantes do seu corpo: a pele.


5. Tenha uma rotina saudável

A pele também é reflexo dos nossos hábitos. Não adianta fazer um skincare impecável e ter uma alimentação sem nutrientes, não é mesmo? Além disso, é importante fazer exercício físico regularmente, pois além de fazer bem para a saúde do corpo, também estimula a produção de colágeno na pele.


6. Consulte um dermatologista

Se você quer começar a cuidar da pele, o dermatologista deve ser o seu melhor amigo. Procure um profissional de sua confiança para entender as necessidades da sua pele e fazer o melhor tratamento, seja ele para cravos no rosto, acne, manchas, etc.


7. Nunca esprema a pele

Aqui a dica é clara: nunca tente espremer cravos e espinhas em casa. Você pode causar inflamações, manchas e ter complicações na pele. Se quiser remover comedões e acne, procure um profissional para fazer uma limpeza de pele eficaz.


Elimine os temidos ‘pontinhos pretos’ da pele com alguns conselhos da dermatologista!

Os cravos no rosto são um incômodo muito comum, principalmente para quem possui a pele oleosa. Eles são formados devido a um aumento da gordura produzida pelas glândulas sebáceas, seguido do entupimento dos poros por onde esse óleo deveria ser eliminado.


Dicas da especialista para dar adeus aos temidos cravos

“Não é recomendada a manipulação das lesões em casa, pois isso pode desencadear um processo inflamatório, agravando o problema, além do risco do aparecimento de cicatrizes”, explica a dermatologista. Além disso, a ruptura de um cravo libera bactérias, fungos e outras substâncias que podem causar irritações e inflamações na pele.


1. Máscara de gelatina e leite

A máscara de gelatina e leite deve ser aplicada sobre a pele após lavar o rosto com água morna. Em seguida, deve-se secar muito bem o rosto, passar a máscara e deixar secar. Ao puxar a máscara, os cravos são removidos completamente.


2. Máscara de clara de ovo e limão

A máscara de clara de ovo e limão é outra boa forma de retirar alguns cravos da pele, pois o ovo contém nutrientes que ajudam a manter a pele hidratada e limpa, ao mesmo tempo que fecha os poros, evitando o desenvolvimento de novos cravos. Além disso, o limão ajuda a combater fungos e bactérias evitando infecção da pele e aparecimento de acne.


3. Hidratante natural com mel

A pele limpa e bem hidratada evita a formação de cravos e uma forma de hidratar a pele é utilizando mel no rosto, pois além de hidratar, tem propriedades antibacterianas. Para isso, deve-se lavar o rosto com água morna, passar uma fina camada de mel no rosto, deixar agir por 5 a 10 minutos e depois remover com água e sabonete neutro.


5. Esfoliante de açúcar e óleo de amêndoas

O esfoliante de açúcar e óleo de amêndoas é uma ótima opção para remover os cravos. Além disso, esse esfoliante remove as células mortas da pele e previne a formação de novos cravos.


Tem diferença entre tipos de cravos?

Mas cravo é só aquele pontinho preto que aparece na pele? Também, mas não só isso: cravos pretos são aqueles em que o poro entupido é mais largo e, por isso, há maior contato do sebo em seu interior com o ar do meio ambiente, o que leva à sua oxidação. Com isso, sua coloração fica escura e o cravo fica com uma “tampinha preta” – são os cravos abertos.


Cravos sempre viram acne?

Nem sempre é assim. “Geralmente, cravos ou comedões pretos ou abertos não evoluem para espinhas. Já nos cravos ou comedões fechados (brancos) algumas bactérias podem se proliferar e se alimentar do sebo acumulado no local. A evolução nesses casos é a formação de uma ‘espinha’”, pondera a dermatologista.


Cravos são bichinhos vivendo na nossa pele?

Não. Como já dissemos, cravos são acúmulos de sebo dentro dos folículos (poros). Isso dito, existem algumas bactérias e ácaros que gostam de lugares exatamente assim: com gordura e sem contato com ar.

image

Leave a Comment