O que fazer para acabar com o chule rapido

image

Então, confira as 3 Receitas de Remédio Caseiro Para Acabar Com Chulé em 5 Minutos. Limão com Casca: Esfregar Limão nos pés depois de tomar banho, deixe-os secar e, normalmente, continuar ao longo do dia. Esta fruta tem substâncias que ajudam a remover as bactérias e seu cheiro perdura por um longo tempo.

Full
Answer

Como acabar com o chulé na casa?

Use o pó de talco ou bicarbonato de sódio: Essa é uma das Dicas Para Acabar Com o Chulé mas tradicional que existe. Esfregue os pés com pó de talco, ele funciona como um adstringente, para manter os pés secos. Além disso, o Bicarbonato de sódio é anti-bactérias, por isso ajuda a acabar com o chulé.

Quais são os melhores tratamentos para chulé?

Pó de amido de milho com óleos essenciais Outro excelente tratamento natural para chulé é o pó de aromaterapia feito com amido de milho e óleos essenciais. Este pó ajuda a controlar a transpiração do pé, ao mesmo tempo que aromatizam a pele, diminuindo a intensidade do cheiro a chulé.

Como corrigir o problema de chulé?

colocar sal grosso dentro do sapato por aproximadamente 12 horas e deixar que ele mate as bactérias; fazer escalda-pés com uma mistura de água e vinagre (3 xícaras para um copo) ou com água de gengibre (deixar ferver um pedaço médio e esperar amornar).

Quais são as causas do chulé?

Apesar de essa ser a principal motivação do problema, existem ainda outros fatores que contribuem para que uma pessoa tenha chulé, como obesidade, tabagismo, diabetes e hipertireoidismo. Que tipos de dicas ajudam a acabar com o chulé? Conviver com o chulé não é nada agradável, seja para quem tem, seja para aqueles que estão ao redor da pessoa.

image


1- Limpe bem

Uma boa maneira de evitar o chulé é higienizando bem os pés. No entanto, o dermatologista não recomenda sabonetes antissépticos, porque eles podem causar outros tipos de irritação na pele, e, ainda, não matam apenas as bactérias ruins e podem causar um desequilíbrio no corpo humano.


2- Seque bem os pés

É importante sempre manter os pés bem secos, por isso ao sair do banho é necessário secar bem a planta dos pés e também entre os dedos, pois as bactérias tendem a se proliferar em lugares úmidos.


4- Nunca use o mesmo par de sapatos

Uma outra dica muito boa é trocar sempre os sapatos, o ideal é trocar durante o dia, mas se não for possível, é importante não usar o mesmo sapato no dia seguinte, deixando aquele par usado no dia anterior em algum lugar arejado e ensolarado.


5- Evite calçados de plástico

Plástico, borracha, materiais sintéticos são totalmente vedáveis o que auxilia na proliferação de bactérias, desta maneira, as pessoas ficam mais propensas a ter chulé.


6- Cuidado com o talco

De amigo a inimigo. Os talcos podem atrapalhar muito aquelas pessoas que têm suor excessivo nos pés, já que ao entrar em contato com eles uma “pasta” pode ser formada, assim, provocando inda mais a proliferação das bactérias já existentes.


7- Use meias de algodão

Elas são sempre as mais indicadas, já que esse material tem propriedades de absorver e de deixar o suor evaporar de uma maneira melhor. Diferente dos tecidos sintéticos, que não têm essa propriedade.


1. Seque bem os pés depois do banho

Já todo o mundo sabe que para evitar o cheiro a chulé é muito importante lavar os pés frequentemente, ou pelo menos, 1 vez por dia. No entanto, o passo mais importante é garantir que os pés ficam bem secos depois do banho, especialmente entre os dedos.


2. Passe pó de talco no pé

O pó de talco é um ótimo remédio natural para diminuir o cheiro de chulé, pois diminui a produção de suor pela pele, evitando que exista umidade suficiente para que as bactérias causadoras do chulé possam surgir.


3. Dê preferência para calçado aberto

Outra dica muito importante para quem sofre com cheiro de chulé intenso é evitar o uso de sapatos fechados, dando preferência para chinelos ou sandálias, por exemplo. Esse tipo de calçado evita transpiração do pele e permite que a pele respire, diminuindo as chances de desenvolvimento de bactérias ou fungos responsáveis pelo chulé.


4. Ande descalço em casa

Uma vez que nem sempre é possível sair de casa com sapatos abertos ou sandálias, dentro de casa é muito importante andar descalço pelo máximo de tempo possível, pois essa é uma forma de garantir que a pele dos pés consegue respirar, evitando o desenvolvimento de bactérias.


5. Não use a mesma meia 2 dias seguidos

Mesmo que a meia pareça não estar cheirando mal, não deve ser usada mais do que 1 dia seguido, pois as bactérias vão se desenvolvendo no tecido da meia, devido ao acúmulo de suor e ao calor do corpo. Assim, quando se volta acalçar uma meia pela segunda vez seguida, está-se colocando as bactérias de novo em contato com o pé, piorando o cheiro.


Como tirar o chulé dos sapatos?

Confira, agora, algumas medidas bastante eficazes contra o mau odor que fica dentro dos calçados.


Quais as principais causas do mau odor?

Não há regra: o chulé pode aparecer nos pés de adultos, crianças, idosos, homens e mulheres. Sua ocorrência se dá em razão do calor e da umidade retidos na região, além do suor que ajuda a formar um ambiente favorável à ação de bactérias e fungos.

image

Leave a Comment